Leia artigo de Michelle Marinho Pinho, professora graduada em Letras pela FAFOPA, pós-graduada em Gestão na Educação pela Faculdade Leão Sampaio e gestora da Escola Bom Jesus da Lapa em 2013

Resumo:

O Programa Mais Educação evidencia a interação entre os diferentes saberes, tanto teórico quanto social, preparando o aluno para a vida. O Programa busca também desenvolver no aluno habilidades e competências que lhe permitam relacionar o conhecimento sistemático com as possibilidades de construção de sua identidade, bem como de posicionar-se frente às questões que o afeta. Toda mudança requer planejamento, adaptações e recursos que subsidiem resultados favoráveis, porém a realidade de muitas escolas que recebem a Educação Integral é oposta ao que se propõe, principalmente pela estrutura inadequada para atender as necessidades do programa e ausência da família no ambiente escolar. Há muitos fatores que dificultam a concretização das ações propostas, porém, com a ampliação do espaço escolar, a formação continuada para coordenadores, gestores, professores comunitários e monitores, foi dado um primeiro passo para concretização dos objetivos do Programa. A reflexão aqui apresentada é feita a partir de experiências da Escola Bom Jesus da Lapa, localizada no Distrito de Gergelim, Araripina – PE, com embasamento teórico em cadernos do Ministério da Educação (MEC). O estudo revela dificuldades constantes que foram transformadas em possibilidades, através da redescoberta de habilidades escondidas, metodologias lúdicas e compromisso com a nobre tarefa de educar.

Leia o artigo na íntegra em http://www.lidas.org.br/pesquisa/artigo_educacao_integral_ararina_pe.pdf


Comentários

Ainda não há comentários.